02/06/2014

A Casa África e a ZEC visitam em Tenerife uma empresa de tratamento de resíduos com planos de expansão para África

A Ewaste está a elaborar um plano de internacionalização que tem como mercados-alvo o continente africano.

A Ewaste está a elaborar um plano de internacionalização que tem como mercados-alvo o continente africano.

O Diretor-Geral da Casa África, Luis Padrón, e a Presidente da Zona Especial Canaria, Beatriz Barrera, deslocaram-se hoje ao Complexo Ambiental de Tenerife, localizado no município de Arico, para conhecer em primeira mão a atividade do primeiro plano das Canárias especializada no tratamento de resíduos de aparelhos elétricos e eletrónicos, Ewaste.

Em menos de cinco anos, esta jovem empresa, dedicada ao tratamento e à descontaminação de resíduos de aparelhos elétricos e eletrónicos, transformou-se numa referência mundial no setor da reciclagem.

Atualmente, a Ewaste encontra-se a elaborar um plano de internacionalização, que tem como mercados-alvo o continente africano e já informou o Diretor-Geral da Casa África. A empresa expôs os serviços que podem ser exportados e os estudos de mercado que foram realizados nos países da África Subsaariana.

 

Back

 
 
Registro de periodistas

Registro Periodistas


Recibe nuestros comunicados de prensa.

 
Newsletter

E-Newsletter


Recibe nuestro boletín electrónico semanal con las actividades y noticias de Casa África.

 

En nuestra agenda


 
 

Conoce África


conoce_africa Conoce a fondo este gran continente: sus países, organizaciones, sus más famosas personalidades...
 
Media

Mediateca


Accede a nuestro fondo documental de libros, películas y música.