21/06/2010

O cinema musical africano anima as 'Noites bárbaras' do Círculo de Belas-Artes

Cartaz do filme 'Momo el patriarca' (Momo, o patriarca)

Cartaz do filme 'Momo el patriarca' (Momo, o patriarca)

A Casa África participa nas Noites Bárbaras do Círculo de Belas Artes de Madrid com um ciclo de cinema africano que começa terça-feira 22 de Junho e que mostra algumas das jóias musicais do continente no formato de documentário. Este ciclo é inaugurado às 17.00 horas com Tras las huellas de Bembeya Jazz (Seguindo as pegadas de Bembeya Jazz), um documentário que nos conta como, em 1961 e numa povoação perdida em pleno bosque tropical da Guiné Conacri, nasce Bembeya Jazz, um grupo de música que se converte, em pouco tempo, na maior orquestra da África moderna e que é a bandeira da revolução de Sékou Touré. Momo o patriarca será o título que encerra este ciclo, no Domingo dia 27 às 22.00 horas. Trata-se de um documentário que narra a história do autêntico rei do swing e da improvisação, Momo Wandel Soumah, patriarca do jazz africano.

As Noites Bárbaras são celebradas pelo sexto ano consecutivo no madrileno Círculo de Belas Artes. Músicos habituais do asfalto converter-se-ão nos protagonistas desta iniciativa, festa das músicas errantes.

 

Back

 
 
Registro de periodistas

Registro Periodistas


Recibe nuestros comunicados de prensa.

 
Newsletter

E-Newsletter


Recibe nuestro boletín electrónico semanal con las actividades y noticias de Casa África.

 

En nuestra agenda


 
 

Conoce África


conoce_africa Conoce a fondo este gran continente: sus países, organizaciones, sus más famosas personalidades...
 
Media

Mediateca


Accede a nuestro fondo documental de libros, películas y música.