Exposição: Dakar. Corpo a corpo

Exposición
De 8 de maio a 8 de agosto de 2014, nas salas da Casa África
Exposición: Dakar. Cuerpo a cuerpo-Del 10 de diciembre de 2015 al 10 de enero de 2016 en La Ciudadela, Pamplona

Fragmento de una de las fotografías de Elise Fitte-Duval©

De 8 de maio a 8 de agosto de 2014, será apresentada na Casa África uma seleção das obras produzidas até agora por Elise Fitte-Duval, fotógrafa nascida na Martinica e residente no Senegal. Organizada por Sandra Maunac e Mónica Santos (Masasam), a exposição é o resultado do Segundo Prémio Casa África recebido por Elise na edição 2011 da Bienal de Fotografia de Bamako (Mali). Este evento, também conhecido como “Encontros Africanos da Fotografia”, representa uma plataforma fundamental para os fotógrafos vindos de todos os lados do continente e da diáspora, para que as suas imagens sejam divulgadas e se expanda a paisagem visual do panorama fotográfico internacional.

Este prémio consiste numa exposição (a que está agora na Casa África) que reúne uma seleção dos trabalhos realizados até agora pela artista premiada e a publicação de uma monografia sobre o seu trabalho, que fará parte de uma coleção mais extensa sobre as reflexões de algumas das mulheres que participam ou participaram nesta bienal.

O Prémio Casa África corresponde a um duplo objetivo. Por um lado, procura dar visibilidade às fotografias tiradas por mulheres africanas, por isso o prémio é dado a fotógrafas e, por outro lado, tenta colocar a fotografia africana dentro do contexto global, ou seja, colocá-la no mapa da fotografia mundial, sem cair nos lugares-comuns da linguagem fotográfica, nem nos estereótipos existentes. Em suma, a fotografia deverá ser entendida como um todo e não como uma parte do resto.

As fotografias de Elise Fitte-Duval apresentadas neste evento retratam a luta diária de seres humanos que vivem nesta metrópole conhecida como Dakar. Convicta da função social da fotografia como documento, Elise sente a responsabilidade de registar a realidade que a rodeia. Como repórter rigorosa, conta-nos e alerta sobre o que acontece naquela cidade em plena expansão e movimento, vai ao encontro das pessoas, e anda pelos bairros periféricos da cidade onde ninguém se atreve a ir.

O principal objetivo das imagens de Elise é dar visibilidade a vidas invisíveis, denunciando as condições de vida de milhares de pessoas abandonadas à sua sorte por parte das autoridades públicas e políticas de uma grande cidade, como é o caso de Dakar. Elise penetra por dentro desta cidade, relata o cotidiano dos seus habitantes e, sobretudo, partilha com todos nós a sua força e determinação, porque entende que a fotografia não é só reproduzir, mas também uma partilha.

 
 
 
 

Back

 
Compartir con:
 
 
Newsletter

E-Newsletter


Recibe nuestro boletín electrónico semanal con las actividades y noticias de Casa África.

 

Quién es Quién en África


 

  • Filter by:
 
of426

There are no results for this search
 

Efemérides


Premios de Casa África


Premios Griot de Ébano, Premios de Ensayo, Premios de cine...