Residência coreográfica 2012

De 26 de março a 23 de abril de 2012
Residencia coreográfica 2012

Escuela de danza de Irene Tassembedo

A Casa África e o seu programa África em Movimento continuam a apoiar a dança africana contemporânea através de residências coreográficas como já haviam feito com outras companhias provenientes de diferentes países. Estas residências nascem com o objetivo de acolher bailarinos e coreógrafos durante curtos períodos de tempo e assim colaborar no desenvolvimento das suas criações nas suas instalações.

Nesta ocasião, trata-se de convidar dois bailarinos, Adonis Nébiè e Ahmed Soura, pertencentes à escola de Irene Tassembedo, com sede em Burkina Faso. A residência coreográfica destes bailarinos será desenvolvida em três fases e localizações diferentes:

  • De 26 de março a 1 de abril estarão no Auditório de Tenerife (Avenida de La Constitución, 1. Santa Cruz de Tenerife), onde, além da residência, desenvolverão um workshop e uma exibição no enquadramento do seu programa Janela para a dança
  • De 1 a 17 de abril estarão no Centro Coreográfico de La Gomera
  • De 17 a 23 de abril desenvolverão a última etapa da sua residência no BIDE de Barcelona (Barcelona International Dance Exchange). 

O  programa  África  em  Movimento  é  uma iniciativa  da Casa  África  para potenciar, em Espanha, a  presença  das  artes cénicas africanas, com as  premissas  que  aplica  esta instituição de diplomacia pública para as actividades de cooperação cultural, evitando o paternalismo e fazendo destas disciplinas mais um factor de aproximação entre  África  e  Espanha.  

Inicialmente  este  programa dará ênfase à dança contemporânea africana, embora não exclua o envolvimento com as restantes  artes.   A constatação  de  que  existe uma  enorme  riqueza  coreográfica  no continente  vizinho - que  ainda  não foi descoberta  pelo   público  espanhol - foi o  factor  decisivo  para  iniciar este programa.

Tal como expressa o  II Plano África, o África em Movimento dá resposta à vontade de  “contribuir  para melhorar o conhecimento mútuo  entre  a  sociedade  espanhola  e  as sociedades  africanas, fomentando  a  difusão de  uma  imagem  plural  e  contemporânea  de  uma  e  outra,   promovendo  processos  de  intercâmbio  e  colaboração entre  as suas  culturas.”  Seguindo esta máxima, o  compromisso  da Casa  África para com as artes cénicas pan-africanas reside nos seguintes objectivos:

  • 1.    Aproximar África da opinião pública espanhola, dando a conhecer – através das artes  cénicas - uma  imagem  real  do  continente, o seu  potencial  e  a sua heterogeneidade.
  • 2.    Realizar um trabalho de proximidade com o sector profissional das artes cénicas em África, para conhecer  os seus  interesses  e  prioridades,  contribuindo  para a identificação dos seus potenciais parceiros em Espanha e para promover o contacto.
  • 3.    Actuar  como porta-voz  dos  interesses  e  prioridades  do dito  sector, para a Espanha e para a União Europeia.
  • 4.    Fomentar  as residências  criativas de bailarinos/coreógrafos  africanos  nos  Centros Coreográficos  de  Espanha.
 
 
 
Compartir con:
 
 
Newsletter

E-Newsletter


Recibe nuestro boletín electrónico semanal con las actividades y noticias de Casa África.

 

Quién es Quién en África


 

  • Filter by:
 
of426

There are no results for this search
 

Efemérides


Premios de Casa África


Premios Griot de Ébano, Premios de Ensayo, Premios de cine...